sábado, 29 de setembro de 2012

Justiça! Justiça!

Pessoas morrendo à míngua, com a indiferença dos órgãos públicos;barracos com paredes de plásticos pretos, em pleno semiárido quente nordestino, é promoção da morte; é a sepultura;