domingo, 29 de junho de 2014

Educação ambiental.

A oferta de chuvas na caatinga está reduzida à média de 300mm/ano; todos os anos chove na caatinga, acima de 100L/m², suficiente para que todos os arbustos, e todas as árvores  das várzeas dos riachos criem FOLHAS, com algumas botando flores, que nem sempre vingam - deem frutos; mas há anos, no tempo de La ñina que chove mais de 800mm, ou 800L/m², quando todos os rios e riachos botam enchentes (mais de uma vez) durante o ano; considerando-se que as plantas da caatinga escolheram esse lugar para nascer e viver baseando em 500mm de chuvas por ano, todavia já estão adaptadas para 300mm/ano, o desmatamento dos arbustos, para a execução dos projetos de  captação e armazenamento de água, digamos  cada projeto ocupando 40.000 m² não  causaria danos ambientais, e se considerarmos que com essa água podemos ARBORIZAR a caatinga com árvores, os projetos trariam benefícios para a caatinga, e para o NE todo; seria a redenção do NE, revertendo o processo de desertificação.