sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Educação ambiental.


5) O Problema social, é também ambiental, econômico, cultural.

Para suspender a degradação ambiental, social, econômica no Nordeste este Veredicto aborda, de forma inédita, em cada Edição, os elementos que causam a degeneração que levaria a Região ao caos; quem conhece o problema conhece a solução; O Homem é o centro e a razão de tudo que acontece ou deixa de acontecer no Planeta Terra. A informação científica tem de ser “de verdade”, irrefutável, incontestável, única.
Água doce no estado líquido – restaurar e proteger mananciais, fontes e nascentes de água; conservar, recuperar, desobstruir, desassorear açudes, barragens e rios; captar e armazenar água doce, pura, para o abastecimento doméstico; revitalizar os rios temporários e suas várzeas; utilizar a água salobra do sertão na produção de alimentos; barrar o processo de degradação que transforma água doce, em salgada, no sertão; racionalizar o emprego da água doce na irrigação de lavoura; drenagem natural das águas pluviais no campo e na cidade; controle da umidade do ar em ambientes fechados e no campo, através de recursos naturais.
Informativo o Veredicto                   Nº 06, de 31 de Agosto de 2005.
 
Solo Orgânico/mineral - restauração de solo degradado; formação de solo para fins específicos, levando-se em conta a variedade e porcentagens de nutrientes minerais, umidade, textura, incidência de luz.
Ar atmosférico –corrigir a poluição ou adequar o ambiente para se ter 21% de oxigênio da respiração aeróbica; controlar a umidade do ar no campo (ventilação e luz solar) de acordo com fins específicos; atrair os 78% de nitrogênio do Ar para a nutrição das plantas; criar processos de incorporação do Ar, no terreno agrícola; circulação do ar em ambiente fechado; controle da umidade do ar em ambiente fechado.
Luz – absorção e reflexão da luz no equilíbrio ambiental; condicionamento de superfícies e corpos naturais absorvedores e refletores da luz solar no controle da umidade, fotossíntese, controle de doenças, pragas na lavoura; controle de temperatura em ambiente fechado; filtros de luz para fins terapêuticos em ambiente fechado e na rua; jogos de luz refletida para fins específicos.
Cobertura vegetal – elemento condicionador do clima – reflorestamento, estufas, sementeiras, campos experimentais de pesquisas.
Controle de poluição auditiva, visual, olfativa com utilização de elementos naturais, no campo e na cidade; esgoto: reintrodução dos excrementos na Natureza (ciclo alimentar); descarga dos vasos sanitários com água salgada do Mar nas cidades litorâneas, para poupar a água doce. Lixo: seleção, coleta, destinação, reciclagem, utilidade, eliminando, de vez, os lixões.