sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Educação ambiental.

Os 250.000 km² de caatingas em 8 Estado NE, semiárido em processo de desertificação, é considerado um entulho para o governo e comunidade cientifica BR, onde não é possível se produzir alimentos - agropecuária; mas no sertão de 8 dos 9 Estados NE, aonde as caatingas estão inseridas, tem 500.000 km², com 250.000 km² que foram transformados em semiárido artificial, tem as várzeas dos rios, as melhores terras agrícolas do NE; as chãs das serras, áreas planas, arenosas têm fertilidade, e por ter (a serra)  500 a 1.200 metros de altitude, o clima é relativamente frio (se comparado ao restante do sertão);  consequentemente a evaporação de água dos corpos de animais e vegetais é mais baixa; a umidade do ar é mais alta que no sertão baixo; os ventos são controlados pelo corpo da serra e pela vegetação das abas da serra; com água doce das chuvas, em quantidade e qualidade, pode-se transformar essas áreas em celeiros de alimentos, com baixos investimentos; é aí que as caatingas  tornam-se úteis como área de captação e armazenamento de água das chuvas para o abastecimento urbano das cidades e para a agropecuária nas várzeas dos rios e nos vales; As chãs das serras são áreas propícias para  se captar e se armazenar água das chuvas, e se fossem utilizadas com exclusividade para isto, o fato de estar a mais de 500m de altitude facilitaria a distribuição de água (por gravidade) no sertão baixo. A própria Natureza  nos ensina que é fácil  fazer o NEBR dá certo, criando-se qualidade de vida em abundância, com os recursos naturais e  os elementos do clima nos valores atuais; dsoriedem.blogspot.com   Educação Ambiental Cientifica, com Exclusividade.