quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Converter a água em vida.

O Homem como agente de transformação, UTILIZANDO as variáveis atmosféricas, modificando-as, adaptando-as, a partir da disponibilidade de água como elemento básico para essa TRANSFORMAÇÃO.-------------------------------------------------------------- ...................................................................................... ...................................................................................... TRANSFORMAR O CLIMA DO SEMIÁRIDO NORDESTINO A PARTIR DO REPRESAMENTO DA ÁGUA DESPERDIÇADA NO MAR DO NE PELO RIO SÃO FRANCISCO:-------------------------------------- ....................................................................................... ....................................................................................... 1) O armazenamento de água de rios em açudes e barragens é altamente degradante na região amazônica, por que: a) a grande oferta de chuvas de 3m por ano; b)devido o relevo com área extensamente plana dificultando o escoamento da água das chuvas; c)devido o terreno de alta drenagem já saturado com água ao longo de milhões de anos de chuvas; d) a grande floresta reduz a evaporação de água de superfície dos igarapés; Existem área da Terra que recebem 11m de chuvas por ano, e nem por isso causa transtornos, graças ao tipo de relevo, solo, umidade do ar, ventilação; A Amazônia foi um grande Oceano, e não está preparada para guarda, armazenar mais água do que o volume natural de chuvas ao ano;-------------------------------------------------------------- .............................................................................................................................................................................. 2) em qualquer lugar do Brasil onde a oferta de chuvas é superior a 2m por ano, o armazenamento de água de superfície só traz malefícios, principalmente pela ação do Homem ao longo de 500 anos, mesmo onde o relevo aparentemente seria favorável ao escoamento (rios) da água, como é o caso da Região Sudeste com suas serras, montanhas compostas de pedras e argila, principalmente com o desmatamento; o armazenamento de água nos rios dessa Região provoca grande infiltração (pela pressão da água armazenada) no terreno, abrejando, danificando o ambiente, e isto acontece inclusive com a infiltração de água entre as pedras e a argila, de modo que com as chuvas, o excesso de água provoca deslizamentos, Etc, Etc. Na Região Centro-Oeste há muitas terras planas extensas; qualquer parede barrando a água corrente de um rio vai se estender por grandes áreas, cobrindo terras, inviabilizando a vida vegetal e animal. .......................................................................................................................................................................... A vida vegetal e animal estão adaptadas há milhões de anos à oferta de chuvas no Brasil, bastante regular em volume e época nas Regiões Sul, Sudeste, Centro-OESTE, Amazônica; MAS NÃO É ASSIM NO SEMIÁRIDO NORDESTINO, onde a variação das chuvas vai de 250L/m² em um ano a 1.000L/m² por ano, e ASSIM a vida vegetal e animal não tem vez.