quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Educação ambiental.

Mapa do Nordeste iluminado com definição de 4 áreas: 1) Nordeste Amazônico; 2) sertão; 3) agreste, 4) zona da mata.
O Nordeste Amazônico, área verde (1)  tem 350.000 km²; o Sertão nordestino, de caatingas, tem 500.000 km² ( 2) e está superestimado neste mapa, que os estudiosos BR chamam de semiárido, área vermelha, e neste caso está subestimado já que o semiárido NE inclui o agreste, somando 900.000 km²; o agreste, área ciano (ou azul) tem 50.000 km², e neste mapa está superestimado como se fosse uma área igual á zona da mata; a zona da mata, área verde (4) está superestimada neste mapa, tem 90.000 km²; O território do Nordeste Amazônico, 80% no MA e 20% no PI tem a presença de 2 rios caudalosos, sendo que o Tocantins tem parte do seu corpo na divisa MA/TO, mas o rio Parnaíba tem mais de 90% do seu corpo no NE Amazônico; no NA tem rios perenes: Gurupi, Turiaçu, Pindaré, Grajaú, Mearim, e toda área tem um lençol de água subterrânea, doce, de volume descomunal; a zona da mata, área 4, que na escala deste mapa teria mais de 120.000 km², e portanto superestimada, englobou (no Mapa) o litoral nordestino que tem 3.317 km de extensão, com média de mais de 10 km de  largura, caracterizado física e biologicamente - terreno, relevo, vegetação, fauna, cerca  de 35.000 km², de tal forma que poderia ter sido perfeitamente representado, destacado neste MAPA. O mapa é uma representação gráfica de uma área física e biológica de uma região, um país, um Continente, o globo terrestre; cada uma das 4 regiões, mais o litoral NE, tem características físicas e biológicas, PRÓPRIAS, que tornam a Região Nordeste heterogênea física e biologicamente, de tal forma que no MAPA acima as 5 sub-regiões da Região NE  foram mal dimensionadas graficamente, possivelmente por que os autores  DESCONHECEM, de fato, o Nordeste; o mapa seria um falso testemunho.