segunda-feira, 31 de março de 2014

Educação ambiental.

Tudo nessa imagem é causa de morte; as ruas forradas de pedras no meio de prédios de pedras; ocupando o espaço onde durante  10.000 anos a vida se desenvolvia em toda plenitude; ao ocupar, com pedras, asfalto,  casas com faces em ângulo reto, o espaço de vida tão diversificada, todos os elementos da Natureza  - energia luminosa e calorifica do Sol, água no chão e no Ar, gases atmosféricos, solo orgânico mineral que gera vida; mudaram as variáveis temperatura ambiental, direção, intensidade dos ventos,pressão atmosférica; uma cidade ocupando uma área de 4 km² provoca uma agressão permanente em uma área 10 vezes maior na litosfera, e 1.000 vezes maior na atmosfera dinâmica; os ângulo retos das paredes, e as cores diversificadas causam muitos transtornos ambientais, lembrando que a temperatura da luz está relacionada com as cores e vice-versa; lembrando que os ventos podem ser bloqueados, por vezes excessivamente compactados pelo formato das ruas, altura dos prédios; as ruas impermeabilizadas com asfalto, pedras, casas são a principal causa dos transtornos de enchentes e alagamentos nas cidades do Brasil; Mas como se pode ver, nesta imagem, o homem da cidade, cidadão (????) não dá trégua à vida; qual o mal que essa grama que nasce com tanta dificuldade nesse ambiente poderia trazer? Pelo contrário: além de ser vida,  principal ELO do CICLO alimentar da Vida, sua cor verde transmite esperança, segurança, beleza nesse meio degradado, hostil, insustentável criado  e mantido bestialmente, para o prazer bestial do Homem.