segunda-feira, 27 de maio de 2013

Educação ambiental.

Esta é a 4ª postagem de hoje, 27/05/2.013 com o gado bovino morrendo no semiárido, que já não se pode atribuir à fome pois, apesar da baixa precipitação de chuvas, menos de 1/3 da oferta de chuvas anual do semiárido, há uma grande e variada massa orgânica vegetal criada pelas chuvas, podendo ser 6 vezes maior do que a massa vegetal do início do ano, antes das chuvas; Se a morte do gado a estas alturas já deveria provocar uma investigação por parte dos órgãos do governo, mais ainda a justificativa para que esse urubu (fauna, faz parte do reino animal) estivesse nessa "tristeza de causar dó", se não por está doente.